quarta-feira, 3 de março de 2010

Saudades...

Ouvi falar a minha vida inteira que a palavra brasileira mais custosa de traduzir era "saudade".

Acredite se quiser, mais custoso ainda é conviver com ela martelando e sufocando cada respiração... não é preciso explicá-la ou traduzí-la. Quem já sentiu sequer ouve qualquer explicação... quer tão somente e simplesmente a pessoa amada.

'I miss you' é pouco. 
Eu sinto falta é de mim mesma quando estou longe de você. Mas se não estou aqui, onde estarei? Pensando em você, sentada em algum lugar triste e solitário e úmido e abafado.

Saudade é igual ao VAZIO. Significa simplesmente não ser e não estar... pelo menos não até você chegar.

S2



(post dolorido da moléstia...rs)

2 comentários:

  1. te entendo...pior ainda é sentir saudade de algo que nem aconteceu direito, saudade do que poderia ter sido

    ResponderExcluir
  2. Concordo, Luiz...
    A saudade do acontecido é saborosa, doce ao ser revivida e amarga por ser impossível naquele momento. Suportável. Já a saudade do que poderia ter sido só tem o amargo... nem um suspiro de lembrança :S Pos isso msm só devemos nos arrepender do que não fizemos por medo...

    ResponderExcluir

Oi! Existem pessoas